Dia de Finados – Quem morreu no Soul e voltou (ou não)

by

Em homenagem ao Dia de Finados segue aí um post com explicações e esclarecimentos sobre quem deu um pulinho no outro mundo e voltou e sobre quem ficou por lá na franquia Soul! (Ah, serão abordados só personagens principais e jogáveis, boa leitura!)

Algol

O personagem que viria a se tornar chefão oficial e personagem mais forte na história da série, segundo seu próprio desenvolvedor, Hideo Yoshie (principal criador de personagens em Soul Calibur IV), não é qualquer um. O cara é simplesmente o criador da Soul Calibur (foda!).

Em tempos tão antigos que os nomes de suas civilizações foram perdidos na história, Algol teve contato com a Soul Edge. A espada como é de costume tentou dominá-lo, em vão, pois Algol conseguiu resistir (olha a fodeza aí de novo!) e usar a Soul Edge para a paz, porém o seu filho, garotinho juvenil, foi lá tentar dominar a espada e foi dominado. No final das contas Algol teve que combater o filho e inevitavelmente matá-lo (como visto na abertura de SC 4).

Muito puto, Algol aproveita um fragmento da Soul Edge para construir uma espada que seja o oposto da espada maligna (a Soul Calibur), muitas tentativas foram feitas e ele teve ajuda de muitos sábios de sua época, até que finalmente ele conseguiu, porém, com o custo de sua vida.

Ele então “morreu” e esperou por um confronto entre as duas espadas que fosse de poder tamanho que o fizesse despertar (tipo Majin Boo). E ele ficou muitos séculos à espera, até que finalmente a treta entre Nightmare e Siegfried fez com que ele acordasse em forma de energia, criasse aquela torre do SC4 e lá esperasse pelos confrontos que o fariam ser definitivamente vivo novamente (ele precisava do poder das espadas pra isso).

Astaroth

A parada dele é matar! Esse gosta tanto da morte que morreu duas vezes!

Criado a comando do próprio deus Ares para conseguir a Soul Edge, ele mata a fim de fortalecer a espada com mais almas.
Ele estava cumprindo esse papel muito bem, mas foi aí que pisou na bola. E pisou porque atacou o navio de Maxi! Comandando uma onda de monstros ele partiu ao ataque dos piratas que estavam em um porto indiano (por isso em muitos jogos a fase de Maxi é Indian Port), Maxi e Kilik afastaram os monstros, mas a esse ponto o irmão de consideração de Maxi, Kyam, já estava morto e a vida do Elvis Bruce Lee das antigas passou a ser destruir o monstro!

E não é que ele conseguiu? Isso é quase Davi e Golias, mas sim, Maxi matou Astaroth em Soul Calibur 2, mas sem problema, porque o deus da Guerra reviveu o grandalhão porque ele ainda queria a Soul Edge!

Mas esse não é o final feliz deste monstro, Fygul Cestemus é o nome da organização de feiticeiros que serve Ares. Eles criaram Astaroth e sempre foram obedecidos por ele, porém ao criar vontade própria e se rebelar contra o culto o cara foi destruído (monstros não tem direitos) e aí outro Astaroth foi criado (o do SC5).

Cervantes

A morte faz parte da vida desse personagem. Ficou estranho né? Morte fazer parte da vida não faz sentido… mas é isso mesmo!
O único espanhol da franquia foi o primeiro a dominar a Soul Edge (era chefão no Soul Edge/Blade, encarnando a própria entidade Soul Edge) e ele só permanece vivo e aparecendo sempre porque fragmentos da espada estão em seu corpo, garantindo não só que ele fique vivo e nem se quer envelheça, por isso ele tem sempre a mesma aparencia de velho lobo do mar, não importa quantos anos passem!

O tempo passa, o tempo voa, mas a vida do Cervantes não continua numa boa, afinal ele tem uma treta insana com sua filha, Ivy! Será que ela manda o velho de vez pro buraco? Enquanto não temos a resposta, vamos continuar curtindo o piratão zumbi e seus teleports!

Li Long

Não sei se é piada, coincidencia ou os produtores não gostam dos caras de Nunchaku, mas sempre os caras morrem em seus finais! Em Soul Edge e Soul Calibur 3, os personagens “zeráveis” possuíam finais alternativos e no primeiro final do Li Long em Soul Edge o cara morre! E parecia que isso era oficial, até seu retorno em Soul Calibur 3 como um personagem extra.

A história dele é uma das mais interessantes e que mais tem reviravoltas, o legal é que depois de tanto tempo e tanta treta no final canônico ele fica com sua esposa e filho (chorei). Infelizmente a Namco não dá mais a mínima pro personagem embora os fãs implorem por sua volta. A história dele é tão interessante que vale um post! (farei futuramente).

Maxi

Tá aí, o cara de Nunchaku se dando mal de novo! Maxi morre em boa parte dos seus finais! Numa cena bem similar à de Li Long ao derrotar o chefão final, Maxi morre ao final de Soul Calibur, porém sabemos que isso não é canônico, graças a volta do topetudo em Soul Calibur 2. Novamente em Soul Calibur 3 ele morre em um de seus finais e em Soul Calibur 4 dá a entender que ele morreu também.

Mas fazendo jus ao bordão “Elvis não morreu”, o cara tá sempre de volta e é um dos escolhidos personagens clássicos que marcam presença em Soul Calibur 5!

(obs: botar este vídeo em 5:55)

Nightmare

Já é de conhecimento geral que os cavaleiros levam as espadas de seus derrotados para seu reino como forma de honra. E na inocência lá estava Siegfried pra tirar a espada do Cervantes do chão, levar pro seu pai e provar seu valor (palmas)! Porém, mal sabia o garotão que estava enfiando a mão na tomada, que se tornaria Nightmare e mataria o próprio pai. Porém, esse post é pra falar dos personagens principais que morrem então o pai do Sieg passará batido, mas Pesadelo não! (Já imaginaram Soul traduzido? Vou chamar o Nightmare de Pesadelo pra ver se me acostumo).

Demorou um tempo, mas finalmente Siegfried conseguiu recobrou sua conciência e destruiu Pesadelo e a Soul Edge (lembram da abertura do 3?). Pesadelo estava MORTO e Siegfried só precisava se recuperar da dor interna que causou às pessoas enquanto estava dominado para viver em paz.

Pois é, tudo finalmente ia “bem”, os espíritos da Soul Edge destruída vagavam por aí, Sieg tava de boa, o jogo podia até acabar, maaaas é aí que aparece Zasalamel e faz lá suas magias pra reunir os espíritos em uma armadura e lá estava Nightmare 2.0, mais forte! Com mais fome de almas! E com mais desejo de destruição que nunca!

Vai Sieg, hora de morfar e acabar com o monstro!

Sophitia

Na real, não fica claro se ela morre, mas os próprios filhos não saberem do paradeiro dela já é um indício do pior…
Embora a personagem não apareça em Soul Calibur 5, a Soul Calibur quando quer conversar com Patroklos cria uma figura similar à de Sophitia chamada Elysium, claro que essa é a forma como Patroklos a vê, mas deixa ainda mais confusa a história.

Será que Sophitia morreu ou não morreu?

Yoshimitsu

*Marcha Fúnebre* Triste, muito triste, gostava do cara, mas esse morreu MESMO. E a parada foi trágica, foi morto pelo seu pupilo favorito, vou explicar.

Quando um guerreiro tem o nome de Yoshimitsu, ele consegue aprisionar em si o mal da espada maligna de mesmo nome, porém esse legado precisa passar pra frente, por isso um Yoshimitsu deve matar o outro (pelo menos foi isso que eu entendi na minha pesquisa, porque sinceramente o SC5 deixa muito a desejar em explicações).

Vai me dizer que você nunca reparou que o Yoshimitsu do SC5 se chama Yoshimitsu – The Second (Yoshimitsu – O Segundo) e que em sua arte na seleção de personagens ele está em cima da cabeça da última forma do primeiro Yoshimitsu?

Bom galera, é isso. Espero que tenha lhes acrescentado algo, não deixe de curtir nossa queridíssima página no Facebook.

Grande abraço! Brigadão! o/

Toshiaki (@ToshiakiBR)

6 Responses to “Dia de Finados – Quem morreu no Soul e voltou (ou não)”

  1. Mr.X Says:

    Muito bom =)
    Faltou o Raphael, que morreu entre o SC4 e o SC5.

  2. Blue Link Says:

    Então o Algol n é do mal? Achava q ele fosse pelo fato de ser o boss de SCIV

  3. Rhadamantus Says:

    Muito boa a análise e bem humorada também! Faz-me rir. Zasalamel também é um morto-vivo (ou vivo-morto?) em potencial, não?
    Parabéns~

  4. Rafael cardoso Says:

    E a cassandra alexandra o que aconteceu com ela,Ele e a sophitia são minhas favoritas,Fiquei muito triste por ñ ter as duas no sc5,Tomara de ELYSIUM seja a sophitia.

  5. antonio Says:

    Ottimo articolo, ne farò un punto di riferimento, chissà che quanto letto non possa aiutare anche me.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: